segunda-feira, 5 de dezembro de 2016

Ápice do amor

Quero tocar sua pele
cobrir-te de beijos, afagos e carinhos
quero impulsionar teus desejos
fazer aflorar tua libido
sentir o calor do teu corpo
envolvendo meu ser com amor

Quero viajar na tua emoção
ouvir a voz que vem do coração
quero penetrar na tua intimidade
ler os teus íntimos segredos
enquanto estiver a te amar

Quero aquecer-me em teu corpo
afogar-me no prazer do teu desejo
saborear o ápice do deleite

E no apogeu do amor
quero olhar em teus olhos
sentir a pulsação do teu coração
quero adormecer nos teus braços
e repousar-me na carícia do teu abraço
(Gracita)

sexta-feira, 2 de dezembro de 2016

Aquarela poética

Meus lapsos de pensamento
na mente a se juntar
transbordam sentimentos
querendo num poema rimar

Uma página em branco
aguarda o meu versejar
e uma aquarela de sonhos
a minha imaginação vai bordar
pequenos fios de poesia
abarrotados de utopia

Paixões... sonhos... esperanças
em amor vão se transformar
a mente sem vigilância
expõe o coração da gente
em letras cadentes que caem no papel

E como se fosse quimera
o amor se materializa
toma forma, faz o enlace
configura versos na tela
com as cores da aquarela
(Gracita)